Pesquisar

Tabela SINAPI: uma aliada na elaboração de orçamentos de obras

Descubra a importância da Tabela SINAPI, uma ferramenta essencial na elaboração de orçamentos de obras!

É muito comum usar a Tabela SINAPI (Sistema Nacional de Pesquisa e Custos e Índices da Construção Civil) na hora de fazer orçamentos de obras, principalmente em construções públicas. 

Esse é um sistema que contém as tabelas consolidadas mais completas de referência para a composição de preços de atividades e serviços de obras privadas e públicas brasileiras. Então, ignorar ou ser negligente pode ser um erro fatal para a sua empresa. 

Afinal, elaborar orçamentos precisos em projetos da construção civil é fundamental para se conquistar o sucesso no mercado. Por isso, essa tabela se tornou essencial e uma valiosa aliada neste processo. 

Ela é uma referência nacional de custos na construção civil, e oferece dados confiáveis para a composição de orçamentos. O governo do Brasil a desenvolveu, fornecendo uma sólida base para avaliar os custos, considerando as diversas regiões do país. 

Além disso, o uso da Tabela SINAPI também contribui para a transparência e a padronização dos orçamentos, facilitando a comunicação entre os profissionais do setor e garantindo uma estimativa mais precisa dos custos envolvidos nas obras. 

O que é a Tabela SINAPI?

A SINAPI, além de servir como um parâmetro para a tomada de decisão, também controla despesas e receitas futuras, evitando desvios financeiros e fornecendo uma visão geral mais assertiva em relação ao resultado econômico do projeto. 

O sistema regulamentatório é o Decreto 7983/2013, que determina critérios para a elaboração de valores de referência. 

O cálculo certo do custo de construção pode prevenir atrasos e demais imprevistos. Afinal, várias vezes, na hora de orçar podem aparecem incertezas em relação ao preço praticado pelo mercado e a tabela foi criada exatamente para acabar com esse tipo de dúvidas.  

O acesso é gratuito e pode ser realizado por qualquer pessoa com internet. Todas as informações são disponibilizadas pela Caixa e podem ser baixadas pelos usuários em formato de Excel ou PDF. 

É comum que ela seja usada para realizar orçamentos de obras públicas para licitações. Porém, a utilização se estende para todos os segmentos da construção civil, servindo como referência para a orçamentação. Dessa maneira, também aplica-se no setor privado. 

Histórico da tabela de preços SINAPI

O recurso disponibiliza custos e preços que servem de referências, com informações divididas por Estados e inclui os principais itens relacionados com a construção. São exemplos: mão de obra, materiais e equipamentos. 

O sistema foi criado em 1969. Na época, quem realizava era o Banco Nacional de Habitação (BNH) sendo usado para orçar apenas as obras habitacionais. Quase 20 anos depois, a Caixa Econômica Federal passa a administrar a SINAPI.

Em 2000, a CBIC notou que os valores não eram condizentes com os praticados no mercado. Os processos de adaptação e revisão de preços demoravam anos e, apenas em 2013, o uso da tabela foi suprida pela Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e passou a ser indicada pelo Decreto 7.983

Experimente o sistema Obra Prima!

Conheça o software que vai ajudar você a organizar as suas obras e conquistar mais clientes!

Composição de custos

Elabora a Tabela SINAPI com base em várias composições de custos, que representam os diversos itens envolvidos no processo da construção. Desenvolve cada uma delas sendo baseada em uma técnica específica de cálculo, que considera diversos fatores relacionados ao item em questão. Para te ajudar a entender melhor como funciona, confira a seguir as composições e a técnica usada para montá-las: 

  • Composição de custo de mão de obra: faz uma pesquisa salarial, que consiste na coleta de informações sobre os salários pagos a várias categorias de profissionais da construção civil em cada região do Brasil;
  • Composição de custo de material: a técnica aplicada é a pesquisa de mercado, que consiste na coleta de informações sobre os preços dos materiais de construção em vários estabelecimentos comerciais, como distribuidores, atacadistas, lojas e fabricantes;
  • Composição de custo de equipamentos: realiza a análise de custo-benefício, que leva em conta o preço da aquisição, o tempo de vida útil, a capacidade produtiva, a eficiência e também a necessidade de manutenção e reparo dos equipamentos;
  • Composição de custo de transporte: faz uma avaliação de custo-benefício, que leva em consideração o custo do transporte, assim como a distância percorrida, o tempo e a capacidade de carga dos veículos usados;
  • Composição de custo unitário básico: elaborada com base na soma dos custos das composições de materiais, mão de obra, equipamentos, transporte e administração local. A técnica usada é a análise do custo-benefício, que considera os valores envolvidos em cada um dos itens e a sua importância para a realização da obra. 

4 vantagens da Tabela SINAPI

A etapa do orçamento de obras é fundamental para avaliar a viabilidade e assegurar o lucro dos projetos. Mas, para saber quais valores usar, é necessário contar com uma base de referência, como a SINAPI. Por isso, conheça quatro vantagens de usar essa ferramenta: 

  1. Auxílio com referências

As obras têm serviços diferentes e por isso, existem casos em que a construtora não tem base alguma para saber quanto vai custar. Então, a Tabela SINAPI pode ser uma solução confiável disponibilizando diversos insumos diferentes. 

  1. Precisão na precificação

Em alguns casos, a tabela também pode servir como um comparativo para validar a precificação de um orçamento. Dessa forma, os profissionais podem comparar os preços com os cotados ou retirados de outras bases de referência, possibilitando ter uma melhor noção da margem de confiança dos valores aplicados. 

  1. Economia de tempo

O uso da SINAPI garante maior produtividade na elaboração do orçamento. Nela, existem serviços completos e bem detalhados, reduzindo as chances de esquecer elementos importantes para o projeto. 

Reduz também o tempo necessário para analisar e encontrar todos os insumos orçados. 

  1. Qualidade na execução das obras

Ao usar esse recurso é possível ter todas as composições de custo, sendo apenas preciso adequar com a realidade da obra. Além disso, é a tabela mais completa de base de informações e orçamentos do Brasil. Assim, você pode oferecer uma maior qualidade na realização dos serviços com a elaboração de orçamentos. 

Coloque em prática!

Já usa a Tabela SINAPI nos projetos? Então, chegou a hora de começar! Aproveite também para baixar o nosso modelo gratuito de Planilha de Orçamentos de Obra para tornar o seu dia a dia muito mais simples e ágil, clique na imagem abaixo e faça o download: 


Se gostou deste conteúdo, acompanhe o blog do Obra Prima e siga também a nossa conta no Instagram!

Experimente o sistema Obra Prima!

Conheça o software que vai ajudar você a organizar as suas obras e conquistar mais clientes!

Receba conteúdos exclusivos sobre Construção Civil

Fique por dentro de tudo o que acontece na Construção Civil com a melhor newsletter do setor.