Pesquisar

Plataforma BIM: a maior tendência da construção civil

Plataforma BIM a maior tendência da construção civil
Plataforma BIM a maior tendência da construção civil

Descubra os benefícios e impactos da Plataforma BIM no setor e nas perspectivas futuras.  

A Plataforma BIM possibilita que o engenheiro tenha uma visão 3D a 7D dos projetos de arquitetura, ajudando no processo de construção e integrando informações importantes de orçamento, estrutura, planejamento, fundação, assim como toda a parte hidráulica e elétrica. 

Consequentemente, esse olhar mais amplo ajuda a evitar erros e proporciona mais segurança para a qualidade da construção.

O crescente interesse na adoção da plataforma BIM na construção civil promete revolucionar o setor e aprimorar a tomada de decisões ao longo de todas as etapas do projeto. Porém, existem desafios para a implementação em larga escala no mercado brasileiro. 

O que é a Plataforma BIM?

A plataforma BIM (Building Information Modeling ou Modelagem de Informação da Construção) é utilizada para o desenvolvimento de projetos inteligentes de arquitetura. Uma vez que a metodologia junta tecnologias e processos integrados que ajudam na criação, utilização e atualização de modelos digitais de uma construção. 

Isso acontece de um modo colaborativo entre os times, que podem participar e acompanhar todas as fases do ciclo de vida da obra. Portanto, usar uma plataforma BIM é muito mais do que apenas criar desenhos técnicos 2D. 

A ferramenta traz vários dados que complementam e facilitam o desenvolvimento da construção, como os atributos e características dos materiais, cores e propriedades térmicas, custeio, fornecedores, desempenho, entre outros. 

A importância do BIM na elaboração de projetos

Na Engenharia Civil, usar BIM é modernizar o trabalho, seja no desenho ou na execução, independentemente da complexidade da construção.

Através do uso do BIM, o engenheiro é capaz de desenvolver obras com menor chance de prejuízos e erros. Além disso, ter um sistema que auxilia na representação 3D reduz o tempo de execução da construção. 

De acordo com uma pesquisa feita em 2020, pela FIIC (Federação Interamericana da Indústria da Construção) e pelo BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento), foram entrevistadas 740 empresas que usam BIM na indústria da construção civil latino-americana. Elas acreditam que com o uso da metodologia houveram benefícios conquistados a nível de projeto, entre os aspectos: 

  • qualidade e segurança;
  • controle e prazos;
  • eficiência e custos. 

Esses aspectos são apenas alguns dos benefícios atingidos pela utilização da plataforma BIM. A aplicação correta da metodologia resulta em projetos melhores, porque com a visualização detalhada de cada etapa a ser feita, dá para ter uma noção antecipada de decisões que precisam ser tomadas, evitando erros no processo. Isso só é possível porque tudo está concentrado em um só lugar, possibilitando que a informação e as tomadas de decisão aconteçam de maneira rápida. 

Entenda mais sobre o BIM

Nos softwares BIM, cada elemento inserido tem a sua função e conforme a modelagem vai evoluindo, tudo é associado mutuamente. Isso quer dizer que, se for preciso inserir uma porta em uma parede, a abertura do vão é realizada de maneira automática de acordo com as determinações preenchidas, como largura, altura, pintura, etc. 

A partir deste momento, os objetos são vinculados, e se for necessário fazer mudanças nas dimensões, por exemplo, automaticamente a parede vai reconhecer as novas demandas. Ou seja, a modelagem, a planta baixa, o corte, as vistas e outras informações associadas a esses elementos vão se atualizar de forma automática, diminuindo o tempo investido em alterações no projeto. 

Vantagens da plataforma BIM 

O sistema BIM é uma das tendências tecnológicas da área da construção civil que possibilita que os profissionais tenham informações e consigam visualizar espacialmente de forma imprescindível a realização de cada etapa da obra. A utilização dessa forma de modelagem traz vantagens, como: 

  • Análise completa dos orçamentos dos projetos;
  • Avaliação técnica da construção;
  • Entendimento e planejamento de todas as fases da obra;
  • Dados mais importantes sobre o projeto;
  • Boa comunicação com o time;
  • Maior agilidade na obra pela velocidade na visualização e acesso a informações, consequentemente, diminuição na duração do projeto;
  • redução dos custos da obra;
  • etc. 

Dessa maneira, compreender essa tecnologia oferece diversas vantagens para todos os engenheiros, tecnólogos e arquitetos que desenvolvem projetos prediais, gerenciamento e execução de construções, servindo ainda como uma maneira de se destacar no mercado. 

Desvantagens da plataforma BIM

Como a metodologia BIM é relativamente nova, muitas pessoas ainda desconhecem os seus benefícios e conceitos no uso. Esse desconhecimento acaba contribuindo para que elas continuem utilizando os métodos antigos e mais tradicionais, por exemplo, o AutoCAD e SketchUp, os quais não são erradas, mas exigem renovação perante o mercado atual. 

Além disso, há uma disseminação de informações erradas a respeito do BIM, pessoas que tentaram usar a ferramenta, mas não se adaptaram, acabando por compartilhar suas experiências ruins e, muitas vezes, desestimulando as que têm interesse. 

De fato, é necessário um período de adaptação que requer resiliência por parte do usuário, em que é preciso passar por processos de tentativas e erros para finalmente se atingir um nível mais avançado de conhecimento e, consequentemente, adquirir experiência. 

Confira a seguir algumas barreiras que existem na adesão dessa ferramenta: 

  • Custo significativo de investimento para capacitação do time;
  • Aquisição de licença de software;
  • Período extenso de adaptação ao novo método;
  • Dificuldades em encontrar materiais gratuitos na internet, como bibliotecas existentes. 

Como começar a utilizar a Plataforma BIM?

Para implementar a metodologia de maneira bem sucedida, primeiro é necessário escolher qual software você irá usar, pode ser: Revit Architecture, Vectorworks Architect, ArchiCAD e Bentley Architecture. Depois, procure por conteúdos que ensinam a metodologia e o programa que você escolheu, para que assim, compreenda a nova forma que vai projetar. Comece a aplicar seus conhecimentos sem hesitar, pois entendemos que existem medos.

O ideal nesta fase é que você contrate um BIM Manager, ou seja, um Gerente BIM, especialista instrutor responsável pela implementação em estágio inicial. Ele vai apresentar o programa, desenvolver template de acordo com as características e perfil do seu escritório, orientar em relação às bibliotecas BIM e gestão de projetos. 

No começo vão surgir dificuldades, mas elas são necessárias para a sua evolução. A cada projeto é importante avaliar o que funcionou e o que não funcionou. Dessa forma, a equipe pode perceber o progresso e estabelecer parâmetros para resultados, qualidade das entregas e nível de produtividade. 

Agora você tem consciência que todo o processo tradicional dos escritórios propicia uma maior margem de erros uma vez que as informações e etapas continuam desconectadas e desorganizadas, problema esse que vai interferir na produtividade, no faturamento e no serviço final para o cliente. Então, o uso da plataforma BIM, não só vai mudar o futuro da construção civil e da arquitetura, como também já é presente no mercado atual. 
Gostou deste conteúdo? Se você quer ter acesso a mais, acompanhe o blog do Obra Prima, e não deixe de seguir a nossa conta no Instagram!

Experimente o sistema Obra Prima!

Conheça o software que vai ajudar você a organizar as suas obras e conquistar mais clientes!

Receba conteúdos exclusivos sobre Construção Civil

Fique por dentro de tudo o que acontece na Construção Civil com a melhor newsletter do setor.