Pesquisar

Limpeza pós-obra: 5 dicas para a entrega da obra

A limpeza pós-obra pode ser desafiadora. Por isso, separamos 5 dicas que vão ajudar a tornar essa etapa mais prática e eficiente. Confira:

Não basta terminar um projeto e largar tudo sujo, é preciso pensar também na limpeza pós-obra. Neste texto, vamos trazer algumas dicas para você sobre o tema. Acompanhe.

Uma construção, depois que finalizada, precisa passar por alguns processos antes de ser de fato entregue as chaves do imóvel para o cliente. 

É necessário que seja feita uma vistoria do imóvel, já falamos desse assunto aqui no blog, confira o nosso texto sobre o tema

Afinal, só ela consegue avaliar se a obra atingiu os objetivos construtivos planejados no seu projeto. Porém, antes da vistoria final, é necessário fazer uma limpeza pós-obra! 

O primeiro passo a ser seguido é a limpeza depois que a construção é finalizada. 

Não somente pela questão estética, mas também só é possível averiguar de maneira completa a qualidade dos serviços prestados. 

É comum encontrar defeitos e vícios construtivos no momento da limpeza pós-obra, como um azulejo trincado ou até com argamassa colada. 

Pode ser até uma parede com problemas no acabamento ou na pintura. 

Por isso mesmo, essa limpeza pós-obra é tão importante. 

Também é preciso levar em consideração que não é uma simples faxina, porque os materiais de construção produzem entulho e sujeiras que são difíceis de serem removidos. 

Assim, é necessário usar equipamentos, técnicas e produtos específicos. Sem falar de assegurar o descarte correto. 

Para evitar qualquer tipo de dano ao longo da realização dos serviços, a limpeza pós-obra deve ser feita com cuidado por profissionais experientes e treinados. 

Além disso, entregar uma obra limpa é um pré-requisito importante para ganhar uma satisfação melhor dos clientes. 

Dessa maneira, além de fidelizar, ele também vai indicar a sua construtora para outras pessoas. 

Agora, vamos para as dicas na prática:

Leia também: 

Fiscal de obras: por que a sua construtora precisa de um? – Obra Prima

5 dicas para garantir a limpeza pós-obra sustentável e eficiente

Como já falamos, a limpeza pós-obra é importante por diversos motivos, entenda agora como você pode fazer um trabalho eficiente e sustentável. 

  1. Cuidados e produtos específicos para limpeza pós-obra;
  2. Monte um plano de organização e limpeza da obra;
  3. Planeje o seu descarte de entulho;
  4. Faça a sua limpeza pós-obra em etapas;
  5. Conheça bem a regulamentação relacionada à limpeza pós-obra;

Agora que você já conhece as dicas, entenda um pouco mais sobre cada uma delas:

1. Cuidados e produtos específicos para limpeza pós-obra

A primeira coisa a se fazer é escolher um lugar específico para guardar os resíduos depois de cada dia de serviço.

Oriente os colaboradores do canteiro de obras a manterem o lugar de trabalho minimamente organizado. 

Segundo a reportagem da Revista Casa e Jardim, é impossível manter o local das obras limpo e livre de entulhos durante o andamento da obra, mas é possível evitar que sujeiras se acumulem. 

Leia também: 

Construtora organizada: 4 dicas para ter mais controle das obras – Obra Prima

2. Monte um plano de organização e limpeza da obra

Para que a limpeza pós-obra aconteça da maneira mais eficaz possível, é necessário se preocupar com ela antes da construção começar, acredita?

Por isso, monte um plano que tenha algumas questões, por exemplo:

  • processos e diretrizes de limpeza e organização que precisam ser respeitados ao longo da obra. 
  • Técnicas, materiais e equipamentos necessários para a limpeza pós-obra.
  • Cuidados especiais com materiais e superfícies específicas.

Existem outras questões que você pode se preocupar, por exemplo, um aspirador comum não vai dar conta de toda a poeira produzida, é necessário um equipamento específico. 

Depois que você montar o plano é só seguir e a sua limpeza pós-obra vai ser muito mais eficaz e até rápida. 

3. Planeje o seu descarte de entulho

O entulho geralmente é formado por restos e fragmentos de concreto, tijolo, areia, pedregulhos e outros resíduos de materiais que são usados durante a construção. 

Grande parte do entulho é direcionado a cobertura de valas, aterramentos e projetos de nivelamento. 

Porém, é importante ficar de olho na parcela de resíduos que pode ser reaproveitada ou reciclada.

De acordo com a Associação Brasileira de Reciclagem de Resíduos da Construção Civil e Demolição (Abrecon), só no ano de 2019, o setor produziu aproximadamente 290,5 toneladas de resíduos por dia no território brasileiro. 

De todo esse montante, somente 21% foi reciclado, sendo que 98% eram feitos de material reciclável.

Leia também:

4 dicas rápidas para descarte de entulho na obra – Obra Prima

4. Faça a sua limpeza pós-obra em etapas

No momento da limpeza pós-obra, tudo que você quer é que tudo aconteça rapidamente para fazer a entrega da obra, não é mesmo? 

Porém, esse não é o momento para querer acelerar as coisas. 

É fundamental entender que esse processo precisa ser feito em etapas, assim a limpeza será a mais eficiente possível. 

Um dos maiores problemas  enfrentados nesse processo é o alto nível  de poeira dentro da obra – poeira que muitas vezes vem sendo acumulada há meses. 

É impossível tirar essa sujeira de uma vez só, por mais que você limpe. A poeira presente no ar vai baixar e acumular novamente nas superfícies e no piso. 

Dessa forma, é vantajoso fazer a limpeza pós-obra em algumas etapas, considerando as características específicas da sujeira no ambiente. 

Preparamos aqui algumas dicas mais práticas: 

  • Junte o máximo de poeira possível antes de continuar a limpeza em detalhes;
  • Sele os ambientes já limpos para que as partículas de poeira não se espalhem;
  • Utilize folhas de plástico e fitas adesivas para selar essas áreas. 
  • Bloqueie todas as aberturas de ventilação já que o pó pode facilmente ficar no interior dessas vias. 
  • Se os dutos de ar juntarem poeira, ela vai se espalhar para outras regiões quando o sistema de ventilação for ligado. 

5. Conheça bem a regulamentação relacionada à limpeza pós-obra

Existem muitas normas e regulamentos relacionados à limpeza pós-obra. 

Fique de olho na legislação relacionada a essa etapa para assegurar que as melhores práticas estão sendo seguidas na sua construtora. 

Agora que você já conhece a regulamentação, fica mais fácil seguir tudo e não ter nenhum problema. 

Agora sua obra está pronta para ser entregue

Depois de ler todo esse conteúdo e seguir os passos, duvido que algum cliente seu vai reclamar que a obra foi entregue suja. 

A gestão de obras precisa se preocupar com muitas etapas, inclusive essa. Assim, a sua construtora vai ter mais sucesso com clientes satisfeitos.

Para mais conteúdos exclusivos, acompanhe o nosso blog e siga a conta do Instagram.

Software de gestão de obras

Experimente o sistema Obra Prima!

Conheça o software que vai ajudar você a organizar as suas obras e conquistar mais clientes!

Receba conteúdos exclusivos sobre Construção Civil

Fique por dentro de tudo o que acontece na Construção Civil com a melhor newsletter do setor.