Pesquisar

Entenda o significado das cores de capacetes em obras

Já conhece o significado das cores de capacetes em obras? Isso é essencial para identificar as funções e níveis de habilidades dos colaboradores, níveis de segurança e regulamentações pertinentes nos projetos.  

Existem diferentes cores de capacete na construção civil usados em obras. Cada uma delas representa uma mensagem importante dentro do canteiro. Tendo em vista que, são responsáveis por determinar a função de cada profissional naquele ambiente. 

Neste artigo, vamos explicar em detalhes o significado dessas cores de capacetes, como essa comunicação visual funciona e é importante para a segurança da obra e dos profissionais envolvidos. Assim, você pode salvar esse conteúdo e nunca mais ter dúvida!  

Embora essas cores não estejam definidas em nenhum regulamento, ou seja, cada empresa pode usar cada uma da maneira que julgar mais conveniente, existe um certo consenso na escolha dos usos entre as empresas, que, normalmente, seguem alguns critérios, que vamos explicar mais para frente do texto. 

Antes de explicar o que cada uma das cores significa, vamos entender sobre a importância do uso desse equipamento de proteção para os projetos da construção civil. 

A importância do capacete em obras da construção

Os capacetes são equipamentos de proteção individual (EPI) essenciais em construções por diversos motivos, entre eles, podemos destacar os seguintes: 

1. Proteção contra impacto

Os capacetes são feitos para proteger a cabeça dos colaboradores contra impactos provocados por objetos que possam cair de alturas, como materiais, detritos ou ferramentas. Eles ajudam a diminuir o risco de lesões graves na cabeça, como fraturas, traumatismos cranianos e contusões.

2. Prevenção de lesões por objetos suspensos

Em muitas obras, os colaboradores estão sujeitos a risco de serem atingidos por objetos que são movidos ou içados por gruas, guindastes e outros maquinários. Os capacetes ajudam a proteger contra lesões causadas por esses objetos suspensos.

3. Segurança em espaços confinados

Em alguns casos, os profissionais da construção civil podem precisar entrar em espaços confinados onde há risco de batidas na cabeça contra superfícies duras. Os capacetes oferecem uma camada adicional de proteção nessas situações.

4. Proteção contra choques elétricos

Em algumas obras, existe o risco de exposição a equipamentos energizados ou fios elétricos. Os capacetes específicos para uso em áreas com riscos elétricos oferecem uma proteção adicional.

5. Conformidade com regulamentos de segurança

Em muitos países, o uso de capacetes é obrigatório em locais de construção de acordo com regulamentos de saúde e segurança no trabalho. Garantir que os colaboradores utilizem capacetes de maneira adequada não só protege vidas, mas também ajuda as empresas a cumprir normas legais.

6. Criação de uma cultura de segurança

O uso de capacetes ajuda a promover uma cultura de segurança no ambiente de trabalho, demonstrando o compromisso da organização com a proteção da saúde e segurança dos seus colaboradores. Isso pode levar a um ambiente de trabalho mais seguro, em que os trabalhadores estão mais conscientes dos riscos e tomam as precauções adequadas. 

Eles desempenham um papel crucial na proteção dos profissionais da construção civil contra diversos riscos ocupacionais, ajudando a prevenir lesões graves e assegurar um ambiente de trabalho mais saudável e seguro. 

Situações específicas que exigem o uso de capacetes na construção!

A utilização de capacetes na construção é fundamental em muitas situações, incluindo quando não há proteção na obra para os colaboradores, para proteção coletiva do time, durante o atendimento de emergência e durante visitas de proprietários e engenheiros. 

É essencial lembrar que o uso de capacetes na construção é obrigatório para prevenir riscos, evitando lesões graves ou fatais, sobretudo na região da cabeça e do crânio, como já dissemos anteriormente. 

Inclusive, é crucial substituir um capacete danificado ou perdido imediatamente, uma vez que esse equipamento em más condições podem comprometer a segurança do colaborador.

O significado das cores de capacetes em obras

O principal ponto a ser entendido na hora de comprar capacetes para o canteiro de obras é que, as cores dependem diretamente da função de cada profissional. Por isso, cada obra faz uso dos capacetes separando em cor e muitas vezes elas variam. 

Mas, o pedreiro sempre tem um capacete diferente do engenheiro, que não é igual ao do técnico de segurança e assim por diante. 

Afinal, é muito comum que nos canteiros de obra trabalhem inúmeros profissionais ao mesmo tempo e por muitas vezes, eles não se conhecem. 

Exatamente por ser um lugar com muitos colaboradores atuando ao mesmo tempo, quando acontece a separação por cor, é possível ter uma dinâmica otimizada de relacionamento justamente por conta do reconhecimento fácil e rápido pela visualização do capacete de qual é a função de cada um. 

O que determina hierarquia e facilita o cotidiano da obra. Como já dissemos, nem toda obra usa necessariamente as mesmas cores para as mesmas funções. Porém, existe um uso mais comum.   

O significado de cada cor

  • Capacete amarelo: visitantes;
  • Capacete azul: pedreiros;
  • Capacete verde: servente, operários, técnicos em segurança do trabalho, armadores;
  • Capacete branco: estagiário, engenheiro, encarregado e mestre de obras;
  • Capacete vermelho: carpinteiros e bombeiros. 

Essas são as cores mais comuns, mas existem outras mais incomuns, que são: 

  • Capacete cinza: usado por eletricistas;
  • Capacete laranja: associado a eletricistas;
  • Capacete preto: usado por operadores de máquinas e profissionais de segurança do trabalho;
  • Capacete marrom: pode ser utilizado por carpinteiros ou visitantes. 

Então, na hora de comprar e distribuir os capacetes, é fundamental deixar claro o que as cores significam. Isso vai garantir mais segurança e organização no processo. Afinal, em momentos em que a construção civil está muito aquecida é comum ter dificuldade em encontrar todos os EPIs necessários. 

Por isso, trocar as cores e estabelecer um padrão próprio pode ser a melhor solução e facilita a compra dos equipamentos. 

Por exemplo, se a empresa fornecedora tem capacete vermelho em excesso e verde em falta, é possível colocar serventes e operários de vermelho e usar o verde para engenheiros. 

Fique por dentro das novidades da construção civil

Já conhecia o significado das cores de capacetes em obras? Entender o que cada uma delas quer dizer é fundamental para a segurança dos profissionais e sucesso dos projetos da empresa. 

Se gostou desse conteúdo e quer ter acesso a mais do universo da construção civil, acompanhe o blog do Obra Prima, estamos sempre compartilhando novidades e muitas dicas. Aproveite também para seguir a nossa conta no Instagram

Experimente o sistema Obra Prima!

Conheça o software que vai ajudar você a organizar as suas obras e conquistar mais clientes!

Receba conteúdos exclusivos sobre Construção Civil

Fique por dentro de tudo o que acontece na Construção Civil com a melhor newsletter do setor.